Pão de cardamomo e ameixa

No livro, o Bertinet fala que a primeira vez que ele usou o cardamomo foi em doces dinamarqueses. A minha primeira vez foi agora, com pão. Eu nunca havia provado cardamomo. E na verdade precisei até fazer uma pesquisa na Internet para aprender como utilizá-lo. Ele vem como “cápsulas” verdinhas. E é necessário abrir cada cápsula e tirar as sementinhas pretas.

IMG_002


Para quem não conhece, o cardamomo lembra um pouco gengibre. Tem sabor muito forte – até por isso acho que errei na dose… achei que tomou conta do pão inteiro. Da próxima vez, vou colocar metade da receita. Bom, fiz a receita padrão do pão integral, mas adicionei 50 gramas a mais de água na receita, pois acho que a farinha integral pesa muito e o pão acaba ficando “massudo”.

IMG-003


Depois, deixei a massa descansando por uma hora. Enquanto isso, deixei as ameixas mergulhadas no scotch por uma hora. No livro, o Bertinet sugere rum, mas eu não tinha em casa… então foi scotch mesmo. Uma outra coisa: ele dá a dica de aumentar a quantidade de fermento para 15 gramas, em vez dos 10 gramas de sempre, para contrabalançar o peso da fruta. Essa é uma boa sacada para todas as receitas: quanto mais pesados os “componentes” que vão no pão, mais fermento. Faz sentido. Depois de uma hora, a massa estava linda, crescida e perfurmada.

IMG-004


Transferi a massa para uma bancada levemente enfarinhada e adicionei o cardamomo e as ameixas (apesar de que o Bertinet indica adicionar tudo enquanto trabalho a massa). Fiz uma bola novamente, retornei para a tigela e deixei descansando por mais 45 minutos. Depois, cortei a massa ao meio e moldei dois filões.

IMG-005


Coloquei os filões no forno, em uma assadeira, pois fiquei com medo de que as ameixas moles grudassem na minha pedra de assar. Aqui, cometi um erro: deveria ter untado levemente a assadeira, porque realmente as ameixas derreteram e grudaram. Quando tirei do forno, os pães estavam completamente grudados na forma. Ao tentar retirá-los, eles abriram o fundo… um desastre. Não sei se por causa disso, mas os pães ficaram massudos… parece que não cresceram direito. Maridão não gostou… :-( Mas ficaram bonitos!!! :-)

IMG-006

Sem comentários

Escreva um comentário